PARTIDO VERDE VAI AO CONSELHO DE ETICA CONTRA BOLSONARO

Via PVDiversidade
Partido Verde vai ao Conselho de Ética contra Bolsonaro
O Partido Verde considera intolerável a apologia ao crime de tortura, que é ainda mais grave quando realizada por autoridade e pessoa pública. Assim, manifesta seu repúdio ao pronunciamento do deputado Jair Bolsonaro (PSC/RJ), por ocasião da declaração de seu voto na sessão plenária da Câmara dos Deputados que autorizou o prosseguimento do processo de impeachment da Presidente da República.
A exaltação pública de ato ou autor de fato delituoso é crime. Já foi encaminhado para a assessoria jurídica da liderança do PV na Câmara o pedido de análise do enquadramento do ato criminoso no regimento interno da Casa, no Código Penal e na Constituição Federal.
O Partido Verde espera que o deputado responda à Casa e à Justiça pelo que fez. Para tanto, representará contra a conduta atentatória ao decoro parlamentar, junto à Corregedoria e ao Conselho de Ética da Câmara dos Deputados.
Brasília, 20 de abril de 2016
José Luiz de França Penna
Presidente do Partido Verde
Deputado Sarney Filho
Líder do Partido Verde na Câmara dos Deputados
13087305_1083007628388498_896421497184780037_n

Sem comentários

Deixe um comentário

Você pode usar tags HTMLs e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>