Minha entrevista para o site iGay

pombaigay

Muito legal a entrevista que saiu comigo no site iG igay. Nela eu discorro sobre política, da necessidade da eleiçao de representantes LGBTs no Congresso como um impulsionador para que os direitos da nossa população avancem e gerem mobilização. E também opino sobre a necessidade de ampliação da pauta nas propostas dos nossos candidatos. Caso vocês possam ler e opinar estou aberto à reflexão destes temas nesse importante ano de eleição.

DJ André Pomba: “Quando temos um representante gay a população se mobiliza”

Uma dos mais importantes agitadores da noite gay de São Paulo, o paulistano pretende agora discutir as questões LGBT no Congresso Nacional

Gays, lésbicas ou transexuais que frequentam a noite LGBT paulistana a partir dos anos 90 sabem quem ele é. O DJ André Pomba, 49, foi um dos grandes impulsionadores desta parte da vida noturna de São Paulo, especialmente por sua atuação no lendário clube A Lôca, o inferninho mais querido e animado da cidade.

Em 1998, Pomba criou a primeira festa de rock voltada para o público LGBT de São Paulo, a Grind. “Nunca fui muito ligado à cena eletrônica. Conversando com o pessoal da A Lôca e percebemos que muita gente curtia rock, mas não tinha opções de domingo ou de matinês. Nós criamos a noite e reinamos sozinhos por quase 10 anos”, conta ele.

Pomba lembra que as baladas tinham outro papel na vida dos homossexuais quando ele criou a Grind. “As pessoas iam às casas noturnas para exercer a sexualidade, para poder ser quem eram sem julgamentos. Hoje, elas já se sentem à vontade na rua, num barzinho.”

Leia a entrevista completa em:
http://igay.ig.com.br/2014-04-02/andre-pomba-quando-temos-um-representante-gay-a-propria-populacao-se-mobiliza.html


pombaigay2

Sem comentários

Deixe um comentário

Você pode usar tags HTMLs e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>