Arquivo mensal junho 2013

Popularidade da presidente Dilma despenca

dilma-vs-lula

Tardiamente o gigante acordou para a grande farsa que tem sido os governos do PT sob comando de Lula e Dilma.

A avaliação positiva da presidente Dilma Roussef despencou em menos de 3 semanas caiu de 57% para 30%. Foi a maior queda de um presidente desde Fernando Collor que caiu 35%. A pesquisa foi realizada pelo DataFolha e reflete justamente o descontamento generalizado provocado e descortinado pelos protestos que se irradiaram pelo Brasil afora. Finalmente o povo brasileiro acordou para a farsa que tem sido esse governo. Ver a Dilma recebendo movimentos sociais pela primeira vez e dando entrevistas à imprensa, mostra que ela está tendo que descer do pedestal que sempre se colocou desde que foi eleita.

A arrogância do governo do PT nesses quase 13 anos no poder (entre Lula e D...

Leia MaisSem comentários

Estado de São Paulo realiza neste sábado, 29 de junho, eleição do conselho LGBT

diversidade

O Estado de São Paulo, realiza no próximo sábado 29 de junho, das 9 as 18h, a eleição para o conselho estadual LGBT. Pode votar qualquer cidadão que se auto-declarar LGBT (lésbica, gay, bissexual, travesti ou transexual). Basta levar, no dia da votação, um documento oficial de identificação com foto e um comprovante de residência em seu nome. O eleitor deve votar, obrigatoriamente, em uma cidade da Macrorregião onde reside, e o comprovante de endereço deverá ser daquela Macrorregião. A vantagem da escolha dos conselheiros da sociedade civil em São Paulo, é que diferente de outros Estados, a votação é direta, ou seja sem os vícios da escolha de conselheiros por parte do governo. Serão eleitos 10 membros titulares e 10 membros suplentes, respeitadas as divisões de gêneros e regiões...

Leia MaisSem comentários

Top Inferninhos de São Paulo por André “Pomba” pra Puma Social Guide

301985_552050698151017_893503356_n

Ótima matéria comigo pro site Puma Social Guide em que indico os cinco principais inferninhos de São Paulo na minha opinião!TOP

TOP INFERNINHOS DE SÃO PAULO POR ANDRÉ POMBA

André Luiz Cagni, ou o DJ Pomba, tem 49 anos. Metade desses anos ele passou curtindo e trabalhando pela noite de São Paulo. No começo dos anos 90 ele começou a discotecar na Alôca, aos domingos, em uma festa de rock para o público gay. Tinha tudo para dar errado, mas o destino foi generoso com o iniciante Pomba. O projeto foi um sucesso e colocou o DJ como um dos principais nomes da madrugada underground paulistana. Tanto que a sua festa dominical continua em pé e lotada até hoje e acaba de completar o seu 15º ano de existência.

Além da Alôca, Pomba discotecou em inúmeras outras festas, aqui e p...

Leia MaisSem comentários

Ato solene em comemoração ao Dia do Orgulho LGBT em São Paulo

site

Nesta sexta, dia 28 de julho de 2013, ás 18 horas acontece o ato solene em comemoração ao dia do orgulho LGBT. Venha e participe!

Local:
Assembleia Legislativa de São Paulo – Auditório Paulo Kobayashi
Informações: 3886-6790

Organização:

Deputada Leci Brandão – PCdoB
Deputado Adriano Diogo – PT
Deputado Ramalho da Construção – PSDB
Deputado Cauê Macris – PSDB
Fórum Paulista LGBTT
APOLGBT – Associação da Parada do Orgulho LGBT
OAB – Comissão da Diversidade Sexual e Combate a Homofobia
Sintratel – Sindicato dos Trabalhadores em Telemarketing
SOS Racismo/Alesp
ICM – Igreja da Comunidade Metropolitana de São Paulo

Apoio:
Assessoria de Cultura para Gêneros e Etnias da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo

Realização:
Comissão de Defesa dos Direitos da Pes...

Leia MaisSem comentários

Chega de enrolação: Queremos reforma política já!

proposta

Texto: André “Pomba” Cagni

A proposta de constituinte exclusiva para discutir a reforma política não me agrada, pois joga lá para um futuro incerto o que temos necessidade imediata. Sem contar o custo de manter dois parlamentos funcionando. A reforma pode ser feita através de leis específicas, ou mesmo uma PEC e se forem votadas até outubro, já valeriam para as próximas eleições. E aí sim, podem ser alvo de referendo popular. O momento da reforma política é este, visto que a população está mobilizada para pressionar o Congresso. E pelo andar da carruagem parece que o próprio governo está desistindo dessa ideia absurda.

A ideia de um plebiscito nesse momento também não me agrada, pois temo que os políticos fundamentalistas aproveitem para inserir temas conservador...

Leia MaisSem comentários

Os discursos de Dilma: Alguém acredita que sairão da retórica?

maxresdefault

Texto: André “Pomba” Cagni

Depois de muito pressionada, a presidente Dilma Roussef resolveu sair da toca e fazer um pronunciamento à nação na sexta-feira dia 21 de junho as 21 horas. Com um dedo de Lula, do marketeiro João Santana e do ex-secretário de comunicação Franklin Martins o resultado foi patético. Ela falou como candidata e não como presidente, só repisando promessas e tentando dar um tom ufanista por um lado e do outro condescendente com os protestos que acontecem em todo o país, ante a inação generalizada do seu governo.

Será que alguém – fora os governistas – acreditou naquele discurso vazio e mentiroso da Dilma? Cada item daquele malfadado discurso foi sendo desmentido e contestado pelos órgãos de comunicação (vide alguns links abaixo)...

Leia Mais1 comentário

Protesto contra ‘cura gay’ mobiliza ativistas e psicólogos em São Paulo

79267f9a-cd53-457a-96dc-9b2eba767a39

Conselho de Psicologia reitera que considera proposta votada na Comissão de Direitos Humanos é um retrocesso na profissão.

Reportagem: Emílio Faustino

Cerca de 10.000 participantes (4.000 segundo estimativa da PM) se reuniram nesta sexta (21) em protesto contra a aprovação, do projeto conhecido como “cura gay” criado pelo Deputado João Campos (PSDB/GO) e que foi aprovado na Comissão de Direitos Humanos e Minorias (sic) da Câmara dos Deputados, comandada pelo pastor Marco Feliciano (PSC/SP).

A concentração teve início as 18h na praça Roosevelt (centro), com discursos de militantes e ativistas do movimento LGBT e do CRP/SP (Conselho Regional de Psicologia) que também estava realizando uma manifestação contra o projeto do Ato Médico que também limita a atuação  dos profissio...

Leia MaisSem comentários

Manifestação contra o projeto de #curagay hoje em São Paulo

971100_597253633639549_674736966_n

Hoje, 18 horas, na Praça Roosevelt no centro de São Paulo, acontecerá uma manifestação contra o projeto PDC 234/2011, mais conhecido pela aberração de #curagay, de autoria do deputado João Campos (PSDB/GO) e que foi aprovado na Comissão de Direitos Humanos e de Minorias (sic) comandada pelo pastor Marco Feliciano (PSC/SP).

Quem vamos?

NÃO HÁ CURA PARA QUEM NÃO ESTÁ DOENTE!

https://www.facebook.com/events/349494455153002/

Nossas reivindicações:
– Comissão de Seguridade Social e Família, vete o projeto da cura gay
– Comissão de Constituição e Justiça, vete o PDC 234/2011

Levem cartazes e velas!
Não faremos caminhada, ficaremos paradxs na Praça Roosevelt!

______________________________
Sob o comando do deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP), a Comissão de Dir...

Leia MaisSem comentários

Depredador da prefeitura não era PM nem agente pago da direita. E agora?

13170223

Texto: André “Pomba” Cagni

Juro que admirei e achei estranha a velocidade de apuração dos fatos vindas de parcela de uma pseudo esquerda estudantil egodistônica de classe média que se acha proletária. Os jovens que tentaram invadir o Palácio do Bandeirantes (sede do governo do Estado) eram da “periferia, vítimas da violência da polícia”. Os que depredaram a sede prefeitura eram o oposto: agentes infiltrados pagos pela direita. Primeiro denunciaram que o depredador era um PM disfarçado, depois que era o mesmo fortão que rasgou votos na apuração do Carnaval no Anhembi, depois que era filho de proprietário de ônibus, divulgaram até nome, CPF, RG, telefone da pessoa errada… Ou seja, versões que nunca comprei pois achei estranhas, mas queria esperar para avaliar.

O es...

Leia Mais1 comentário

Projeto Grind chega aos seus 15 anos quebrando preconceitos

spice

Em noite de gala, homenagens aos frequentadores e performances inusitadas, deram o tom da festa que introduziu o Rock nas baladas LGBT

Reportagem: Emílio Faustino

Fotos: Ed Reis

A balada Rock and Roll mais colorida de São Paulo completou seus 15 anos neste último domingo. O Grind, festa que deu voz ao rock nas baladas voltadas para o público LGBT, se mantém como uma das festas alternativas mais tradicionais de São Paulo.
Durante esses anos, diversas pessoas passaram pelo projeto comandado pelo DJ André Pomba, desde políticos, celebridades, pessoas assumidas ou que se assumiram, e heteros. Esse é o ponto mais interessante da Grind, há diferentes orientações, gostos musicais, opiniões e todos mostram que a diversidade é possível.
“Aqui é o único lugar de São Paulo aond...

Leia MaisSem comentários